quarta-feira, 26 de março de 2008

SABER DE COR = SABER DE CORAÇÃO

Meu filho de 14 anos gosta de se aventurar na cozinha. Desde que ele era bebê, quando eu estava em casa cozinhando eu sempre o colocava perto e ia narrando pra ele o que estava fazendo. Com o tempo ele começou a querer mexer os cremes, fritar os temperos e saber das coisas.
Ah, e também já ensinei a lavar a louça. É engraçado que na menina ainda não teve o "clique", embora eu tenha feito exatamente igual. Mas já está chegando perto. Ao menos já sabe esquentar comida, fazer uma torradinha, preparar vitamina e blá blá blá.
Como eles estudam pela manhã, não é raro eu chegar em casa após o trabalho e já termos algo para o lanche da tarde. Dia desses foi um bolo de chocolate cuja receita eu lhe passei há algum tempinho e ele já sabe fazer de cor, pois diz que é o bolo que mais gosta. Tudo aquilo que sabemos de cor traduz aquilo que sabemos e trazemos verdadeiramente no coração. Mais do que pensar no mundo que deixaremos para nossos filhos, e isso implica várias questões de consciência ecológica/ambiental, financeira, responsabilidade social, cidadania, etc, acredito que temos de pensar também: que filhos deixaremos para o mundo !!!!!

Ele usa:
2 xícaras de farinha de trigo
2 xícaras de açúcar
2 xícaras de chocolate em pó ou cacau
2 ovos
1/2 xícara de óleo
1 xícara de água fervente
1 pitada de sal


8 comentários:

risonha disse...

deve ser uma maravilha chegar a casa e ter um bolão desses feito pelo filho á espera de ser comido na hora do lanche.
parabéns, o bolo ficou lindo

Luciana Macêdo disse...

Parabéns para o filhote,o bolo foi feito com capricho e parece estar uma delícia.
Meu filho gosta de preparar o café no final do dia, quando sentamos a mesa e podemos por a conversa em dia. É um carinho...
Bjs!

laila disse...

q lindo o que dissestes ana!!!

e olha é pra ter orgulho do fihote msm...q moço prendado!!bjs

Receitas da Filipa disse...

Ana que maravilha chegar a casa e ter um bolo lindo desses para comer... Parabéns ao seu filho pela mão para a cozinha.

Beijinhos

Laurinha disse...

Parabéns aos dois, vc e filhão, viu!!!
Que bacana que ele curte cozinhar...
Beijinhos,

Fabrícia disse...

Lindas palavras e parabéns pelo filhote talentoso...aliás para os filhos telentosos. Esse carinho não tem preço.
Bjcas.

Nogueirajcs disse...

Um filho com boa memória.

Não se nasce ensinado a cozinhar mas sim crescemos a aprender...

O seu filho está no excelente caminho para o delicioso vicio que é cozinhar...

Cris disse...

Olha eu aqui! Ausente por um tempo... é só trabalho!!! Hoje tive uma folguinha e resolvi colocar a casa em dia. Acho tão bom quando as mães incentivam os filhos a cozinharem, eles aprendem a se virar e depois fazem estas delícias para a gente!